item
rocinha O Rio de Janeiro  


Rocinha

A Comunidade é a maior favela do Brasil contando com cerca de 56.000  habitantes, embora algumas fontes afirmem que há bem mais. Com o intuito de regular o seu crescimento desordenado, a prefeitura da cidade implantou em 2001 um projecto urbanístico, designado Eco-limites, que delimitou a zona onde é permitida a construção com estacas de ferro unidas por cabos. Actualmente a Rocinha continua com forte crescimento devido ao forte influxo de migrantes de outros estados, tradicionalmente das Regiões Nordeste e Norte do Brasil mas cada vez mais do interior do estado um exemplo desses estados é o Ceará .

Atualmente conta com um grande aparato comercial instalado na própria favela, como redes de Fast-food, Lan Houses, bancos e empresas que levam os turistas para um tour pela favela.

A favela, que atualmente possui status de bairro, está localizada entre os bairros da Gávea e São Conrado que fica perto do shopping , dois dos bairros com IPTU mais alto do Rio de Janeiro. A proximidade entre as residências de classe alta desses dois bairros com a Rocinha cria um profundo contraste urbano na paisagem da região.

Vale destacar o Largo do Boiadeiro, feira dominical com produtos Nordestinos na beira do asfalto e a bem sucedida ação do banco popular que empresta dinheiro de ONGs em baixas quantias (até mil reais) a pequenos comerciantes e ambulantes, com uma baixíssima taxa de inadimplência.



rocinha-vista-aerea 



Historia do Bairro

A comunidade também conta com 4 linhas de ônibus, cooperativas de vans, serviços de moto-táxi, um posto de saúde, uma agência dos correios, duas agencias bancárias, serviços de internet, TV a cabo, rádios comunitárias, uma casa de show, três escolas públicas e várias creches comunitárias.
 

A comunidade da Rocinha celebra aproximadamente 80 anos de mudanças, lutas e conquistas.Teve origem no final da década de 20 era uma enorme fazenda de café, inicialmente foi povoada por imigrantes portugueses e espanhóis.A forma de subsistência se dava com o cultivo de hortaliças que ofereciam às pessoas que percorriam a Estrada da Gávea, como alimentos oriundos de suas rocinhas. Daí o nome da maior favela do Brasil

favela-da-rocinha favela-da-rocinha-moradias


As terras foram divididas em grandes glebas para consumo agrícola, a maior parte delas pertenciam a Cia. portuguesa Cássio Guidon, a bairro Barcelos a Cia. Cristo Redentor e o laboriaux pertencia a uma Cia. Francesa.

Em 1938 a Estrada da Gávea foi asfaltada, local onde ocorria o "circuito da baratinha". Contudo, acelerou-se o processo de ocupação por pessoas que acreditavam ser as terras públicas. A partir dos anos 50 houve um aumento de migração de nordestinos ao rio - principalmente direcionados para a Rocinha - e em 1960 e 1970 houve o segundo surto de expansão, pois o projeto para construção dos túneis Rebouças e Dois Irmãos para melhorar a integração da cidade, ofertou para a população opções de emprego. Nas décadas de 50 e 60 se iniciou então as grandes modificações na arquitetura, nos hábitos de vida e nas relações socias desta população predominantemente nordestina.

O descaso do governo com a comunidade, a falta de infra-estrutura, isto é, construção de barracos de papelão, degradação da floresta, crescimento desordenado, distribuição de água através de bicas entre outros problemas, provocou grande indignação, reivindicações e abaixo-assinados. Sobretudo a população se organizou e muitas lutas se iniciaram e fizeram parte das conquistas desta comunidade.

E foi a partir da década de 70 que a comunidade obteve os primeiros progressos, resultado das reivindicações ao poder público, como a implantação de creches (a veterana foi ASPA), escolas, jornal local, passarela, canalização de valas, agência de correios, região administrativa...Já o posto de saúde foi criado em 1982 com muitos esforços dos moradores, através da iniciativa do padre local que ofertou à comunidade um presente de natal. Então os moradores se mobilizaram para promover a canalização do valão e por conseguinte, criou-se o posto de saúde. Neste processo, algumas famílias que habitavam o valão foram deslocadas para o laboriaux,no qual havia 75 casas construídas pela prefeitura, sendo que 2 destas foram fundidas e criada a creche Yacira Frasão.


Exibir mapa ampliado

 Links sobre o Bairro da Rocinha

  • Rocinha Org
    Principais informações,comunidade, rocinha, rio de janeiro, ong rocinha, morro da rocinha e muito mais.
  • Rocinha Fotografias
    Principais informações,comunidade, fotos e muito mais.
  • Academicos da Rocinha
    Informações,comunidade, fotos, e muito mais.

         Videos





Outros Serviços

PÃO DE AÇUCAR   PASSAGENS AÉREAS HOTEIS RJ        PONTOS TURISTICOS



Riobanner



voltar